Comprinhas no Mercadão? Não!

Hey you! Não acredito que ontem, 19 de Maio, fez um mês que saí do Brasil, e logo menos, no dia 23, fará um mês que estou aqui em Seattle. Um mês, meu Deus, onde o Senhor colocou o tempo… os instantes da vida?

Um mês em que deixei para trás minha casa, minha família e meus amigos para viver um sonho. Deixei meu conforto e meu comodismo, deixei até mesmo minha tão difícil língua portuguesa, para me aventurar em um país estranho de língua esquisita, para morar com desconhecidos e trabalhar com crianças que falam inglês fluentemente – he he he. Parece mesmo que, foi ontem que eu estava na maior afobação em casa, colocando as últimas coisas na mala, e dando um check em cada item da minha lista, isso tudo para não esquecer nada, e mesmo assim ainda deixei uns rabos para trás! Minha mãe e minha irmã Gabriele, que estavam em casa, estão de prova em como eu estava atrapalhada no meu último dia no Brasil… Meu último dia, que jeito mais pesado de começar um post. Afinal foi meu último dia dos próximos meses, logo logo estarei de volta e tudo isso que estou vivendo hoje, vai parecer uma lembrança de um sonho, assim como foi NYC em 2010!

Neste último final de semana, fui conhecer um dos pontos turísticos daqui, com minhas parceiras de guerra au perianas – Marcella e cia – o Pike Place Market. Não explorei a fundo o lugar, mas terei tempo de passar horas vendo cada canto de cada lojinha dentro deste mercadão da cidade!

pike

Imaginem o Mercadão de São Paulo, é mais ou menos a pegada do Pike Place aqui em Seattle, mas acontece que ele é ‘aberto’ e um pouco menor do que o de São Paulo.

Ele fica a beira mar da baía Elliot, e está aberto desde 1907 – quase 110 anos pessoal! O legal de lá, é que tem bastante barraquinhas de frutas, verduras e alimentos de agricultores públicos da região. E além de comidinhas, frutas tão lindas e coloridas que dá vontade de comprar todas, tem também lojas de artesãos, objetos diferentes que só se vê por aqui, e algumas coisas que vocês nem imaginam, como por exemplo, de acordo com minha amiga, no Pike Place Market tem como a venda de peixes, uma das atrações do lugar. É isso mesmo, os vendedores fazem uma espécie de ‘show’ com a mercadoria, quando os peixes são lançados de um vendedor para outro no meio do pessoal! Preciso voltar um dia para ver isso ao vivo!

O mercadão foi batizado com o mesmo nome da rua principal da área, e o lugar é visitado por mais de 10 milhões de pessoas ao longo do ano.

Na parte de cima que dá acesso à rua, vemos diversas barraquinhas de frutas, legumes, comidas exóticas, temperos, bijuterias e até fivelas de cinto! Mas se você entrar em um dos corredores e pegar o elevador, alguns andares para baixo você verá lojas diferentes de roupas, sapatos, souvenirs … e descendo mais um pouco, em uma das saídas do mercado, você se depara com um corredor onde as paredes são cobertas de chicelte!

gum

É isso mesmo, ali atrás do mercado, encontra-se o Market Theater, o teatro. As paredes do beco ‘Post Alley’, estao quase que completamente lotadas de chicletes mascados, e como virou ponto turístico oficial da cidade, todo turista que vai até lá, também gruda seu chiclete!

Essa história começou na década de 90, quando turistas e nativos da região, iam ao  teatro e formavam filas enormes para entrar no teatro ou para simplesmente comprarem um ingresso. Como o ser humano não sabe o que é ter paciência e não sabe esperar, irritados com a demora no atendimento, alguém um dia, colou uma moeda com um chiclete na parede, e assim, outra pessoa viu e fez o mesmo. E a cada dia que passava mais pessoas começaram a fazer esse ‘vandalismo urbano’, que hoje é um dos pontos mais visitados por todos que visitam Seattle.

gum wall

Claro que achei sensacional uma parede de chiclete, ser ponto turístico. Mas confesso que fiquei com nojinho de grudar meu chiclete lá. Mas não poderia pular a tradição não é mesmo?!

Outro lugar incrível que tem ali na região do Pike Place, é a primeira loja da Starbucks. Sim, a primeira no mundo todo! Mas isso vai ser assunto para um próximo post!

pike3

E aí, o que vocês acham de vir conhecer Seattle e dar uma passadinha na Gum Wall grudar seu chiclé e depois comprar alguns morangos frescos no mercadão?!

Espero que tenham gostado!

~xoxo~

 Fotos:Géssica Hernandez/Reprodução

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s