Hello world!

Escrever palavras aleatórias que me vinham à mente, inventar histórias de terror em um dia chuvoso na casa da minha irmã. Do nada, queria escrever loucamente sobre um assunto X que me vinha à cabeça, ou criar uma história de dez páginas com aquela imagem de que um dia, um livro lançado por mim, venha a virar um best-seller e sair no cinema. Ler, ou melhor, engolir livros desde os meus nove anos de idade, nunca satisfazendo meu desejo profundo de conhecer melhor o mundo que para mim, ainda, é desconhecido e de conhecer diferentes formas de agir, pensar e criar de diversos escritores. Assim cresci, vivi e morri.

Mentira. Assim cresci e continuo com essa vontade de conhecimento aleatório. Digo aleatório, pois não é um tipo de conhecimento geral – geografia e história do mundo – história sempre me encantou, mas não só as histórias que o mundo viveu. Histórias que a maioria das pessoas, ou pelo ao menos acho que a maioria das pessoas, deixa passar despercebida pela vida.

Histórias que provavelmente não existem, com terras mágicas a desbravar. Homens perfeitos que a própria razão desconhece. Animais que falam; respirar de baixo da água, achar um pote de ouro no fim do arco íris. Beleza pura de corpo, alma e coração, que se ainda existe no mundo, estão muito bem guardados e esperando por mim! A MAIS!

Assim me apresento, cordialmente, a você que está ai do outro lado da tela, lendo meu humilde blog. Géssica me batizaram, mas pode me chamar de Gessz. Sim Gessz, meu mais novo apelido, tenho vários, mas o que eu quero mesmo é Gessz (uma tal série me inspira mas não vou falar nada lálálá), e se ninguém me chamou assim até agora vão começar right now! MUAHAHA –ñ Tenho vários apelidos por aí, mas quero um novo, ou que tal G (com som da letra G em ingles?), ou Gessi?  Bom me chamem como quiserem, fiquem a vontade!

Brincadeiras a parte, Gessz is my new name, e vou usar este espaço que chamo de blog para falar da vida alheia, de histórias, contos, relatos verídicos ou inventados, comentários fofos ou muitas vezes, babacas.

Talvez, se eu tiver coragem, e eu estou criando forças para isso, eu poste alguns de meus contos e estórias hehehe, mas não prometo nada. A vergonha alheia é grande, mas se estou aqui criando um blog, não posso ter o luxo de ter vergonha para não publicar o que eu quero não é mesmo?

Espero que gostem do WTHell it means. E sejam muito mais do que bem-vindos (:

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s